Facilitadores


11/01/2012 - I Encontro: Comunicação Livre de Racismo

Julio Cesar de Souza Tavares 

Graduado em História pela Universidade Federal Fluminense (1980), mestrado em Sociologia pela Universidade de Brasília (1984), doutorado em Antropologia - University of Texas at Austin (1998) e pós-doutorado como Rockfeller Post-Doctoral Fellow no Center for Black Music Research, em Chicago (2001). Foi Distinguished Visiting Professor no Departamento de Comunicação da Florida Atlantic University, em Boca Raton, Miami, EUA (2004). É Professor Associado no Departamento de Antropologia e membro do Colegiado do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade Federal Fluminense. Participou do Executive Board da ASWAD (Association for the Study of the Worldwide African Diaspora) de 2000/2009, Tem experiência na área de Antropologia da Comunicação, Antropologia da Diáspora Africana, Antropologia do Corpo, História da África e Diáspora Africana, Teoria Antropológica Contemporânea, Semiótica, Estudos Culturais e Etnografia. Trabalha em pesquisa e docência com os seguintes temas: representação do negro na mídia, etnografia da diáspora africana na América do Sul, comunicação interpessoal, racismo e discriminação, cultura corporal e etnicidade. No mundo corporativo trabalha com consultoria e assessoria sobre diversidade e comunicação intercultural. É também um incansável ativista na luta contra o racismo e pela inclusão dos Estudos Antropológicos, Culturais e Históricos da Diáspora e Civilização Africana em todos os currículos das redes de ensino público e privado do país.

Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4962721038934943

25/01/2012 - II Encontro: Existe Negros/as no Ceará?
José Hilário Ferreira Sobrinho

Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Ceará (1994) e mestrado em História pela Universidade Federal do Ceará (2005). Atualmente é professor da Faculdade Ateneu. Tem experiência na área de História, Sociologia e Antropologia, atuando principalmente nos seguintes temas: relações raciais - cultura negra, africanidade - africanos no ceará - bantos, violência urbana - cotidiano - negro e racismo.
Mestrado em História (Conceito CAPES 4) .
Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.
Título: Catirina minha nega, Teu sinhô ta te querendo vende, Pero Rio de Janeiro, Pero nunca mais ti vê, Amaru Mambirá : O Ceará no tráfico interprovincial 1850-1881., Ano de Obtenção: 2005.

Endereço para acessar CV: http://dgp.cnpq.br/buscaoperacional/detalhepesq.jsp?pesq=8625955524144978
Rosa Maria Barros Ribeiro

Possui graduação em Filosofia pela Universidade Estadual do Ceará (1991), mestrado em Educação pela Universidade Federal do Ceará (1995) e doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (2001). Atualmente é professora adjunta da Universidade Estadual do Ceará. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação, atuando principalmente nos temas relacionados à ética e formação de professores.



11/04/2012 - VI Encontro: Políticas Públicas e Desigualdade Racial

Zelma Madeira 


Possui mestrado e doutorado em Sociologia pela Universidade Federal do Ceará - UFC, foi coordenadora do Fórum Permanente de Educação e Diversidade Étnico-Racial do Ceará. Atualmente, é professora  doutora do curso de Serviço Social da Universidade Estadual do Ceará - UECE e vice-coordenadora do Laboratório de Direitos Humanos, Cidadania e Ética da UECE.

25/04/2012 - VII Encontro: Meios de Comunicação e Sociedade

Ricardo Moura Braga Cavalcante


É mestre em Políticas Públicas e Sociedade, pela Universidade Estadual do Ceará (2011). Possui graduação em Comunicação Social pela Universidade Federal do Ceará (2004) e em Ciências Sociais pela Universidade Estadual do Ceará (2007). É assessor de comunicação da Embrapa Agroindústria Tropical e doutorando em Sociologia pela UFC.

Endereço para acessar este CV: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?metodo=apresentar&id=K4210516Y1


Inês Silvia Vitorino Sampaio

Doutora em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (1999), com período sanduíche na Westfälische Wilhelms Universität Münster, Alemanha.. Cumpriu estágio Pós-Doutoral na Université du Québec à Montréal, UQÀM, Canadá (2008) e , atualmente, é vice-coordenadora e professora adjunta do Instituto de Cultura e Arte da Universidade Federal do Ceará, respondendo pela coordenação do seu Projeto Político-Pedagógico. Coordenou o projeto de implantacão do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UFC, mantendo-se no colegiado da Coordenacão do referido Programa, vinculada à linha de mídias e práticas socioculturais. É autora do livro Televisão, Publicidade e Infância (Annablume, 2004) e de dezenas de artigos em periódicos da área, tendo ainda organizado o a coletânea Mídia de Chocolate: estudos sobre a relação infância, adolescência e comunicação ( E-papers, 2006). Coordena o Grupo de Pesquisa da Relação Infãncia e Mídia (GRIM - Núcleo UFC) e o projeto de Extensão TVez: Educação para o uso crítico da mídia.


Emerson de Oliveira Cardoso - "Déo"

 É cineasta e professor de cinema, Emerson realizou 5 curtas-metragens, com destaque para “Level Orange” (Alerta Laranja), premiado no Festival de Cinema Estudantil de Ohio - EUA em 2004 e seu documentário “Assentamento Maceió”, exibido pela Rede PBS – Public Broadcasting System (Rede Pública de TV Norte-americana) em 2005;
Em 2005 formou-se Mestre em Produção Cinematográfica pela Escola de Cinema da Universidade de Ohio (Ohio University – School of Film - USA). Também realizou o curta “Porto de Jangadas” e foi diretor de fotografia do curta “Flutter”, do diretor norte-americano Mark Sewards. Atualmente está divulgando seu 5º curta-metragem, “Pode Me Chamar de Nadí”, vencedor do VI Edital Ceará de Cinema e Vídeo, e premiado com melhor desempenho para atriz infantil na 36ª Jornada Internacional de Cinema da Bahia/2009. No momento trabalha na assistência de direção do longa-metragem “As Mães de Chico Xavier” e capta recurso para seu primeiro longa-metragem “Flores Sob o Concreto”.


Luciane Reis da Conceição

É publicitária, foi coordenadora pedagógica do Centro Acadêmico de comunicação da Universidade Católica do Salvador. Como Publicitária atuou com assessora de comunicação da Associação Brasileira de Pesquisadores Negros - ABPN, através da atualização do site e clipagem de matérias e oportunidades profissionais e acadêmicas para os mesmos, assessora da Secretaria Municipal da Reparação-Semur, atualmente presta consultoria pra o governo do Estado da Bahia em gestão participativa e mobilização social. Foi colaboradora também na área de assessoria de imprensa pra a Conen - Coordenação Nacional de Entidades Negras onde pautou a mesma e suas atividades nos meios de comunicação, atua na comunicação da Central Única dos Trabalhadores - Ba. Contribui com o Site Ciranda Afro pautando a comunidade negra na Bahia e para a comunicação das organizações negras quando solicitada.