domingo, 30 de outubro de 2011

IJC prepara o projeto Camutuê – Comunicação Livre de Racismo

O Instituto de Juventude Contemporânea - IJC iniciou os preparativos para o Camutuê – Comunicação Livre de Racismo. O objetivo do projeto é incentivar a formação de profissionais da comunicação para a temática raça e etnia, através de um curso de 100 horas, que receberá inscrições a partir de outubro de 2011 e que tem lançamento previsto para 24 de novembro.

O projeto foi selecionado pelo edital do Plano de Ação Conjunto Brasil - Estados Unidos para a Promoção da Igualdade Racial e Étnica – JAPER, fruto da parceria da Brazil Foundation com a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil. A equipe do Camutuê trabalha na definição dos facilitadores e no estabelecimento de parcerias para o fortalecimento do curso. Parceiros já definidos do projeto são a Coordenadoria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e a Secretaria de Cultura de Fortaleza, a Coordenadoria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial do Estado do Ceará, a Universidade Estadual do Ceará, a Universidade Federal do Ceará (UFC), o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Ceará (Sindjorce), o Canal Futura, a Federação Nacional dos Jornalistas (FENAJ) e a Associação Cearense de Imprensa (ACI). O curso também receberá apoio do Sistema Verdes Mares, do Grupo O Povo de Comunicação, do Jornal O Estado, da Câmara Municipal de Fortaleza, do Sistema Jangadeiro de Comunicação, da TV Ceará, da Assessoria de Imprensa do Governo do Estado do Ceará e da Assessoria de Imprensa da Assembléia Legislativa do Estado do Ceará. O projeto ainda será apresentado às assessorias e agências que se organizam em Fortaleza, tais como a Assessoria de Imprensa da Coelce, a Agência Mota Comunicação, a Agência Bolero Criações, a Agência EBM Novo Tempo Propaganda e a Agência Blume Comunicação que já foram contactadas.
O projeto é constituído de 10 encontros formativos quinzenais, que oportunizam a troca de experiências e metodologias, provocando a reflexão coletiva das questões étnico-raciais, com carga horária de 100 horas-aula para 40 profissionais e estudantes de comunicação.

O pesquisador Júlio Cesar Tavares é o convidado do lançamento

O pesquisador Júlio Cesar Tavares, Doutor em Antropologia, pela Universidade de Austin – Texas, professor do Programa de Pós-Graduação em Comunicação (nível Mestrado e Doutorado) da Universidade Federal Fluminense (UFF) é o convidado da abertura solene do Camutuê, prevista para a noite da quinta-feira, dia 24 de novembro. Júlio Cesar desenvolve pesquisa sobre Mídia e Etnicidade e no lançamento apresentará a palestra “Comunicação Livre de Racismo”.

Comunicação IJC

Siga-nos no Twitter > @IJConline

Nenhum comentário:

Postar um comentário